Livro selecionado: "Obras Póstumas "

ÍNDICE

Publicações Espíritas

16 de agosto de 1867.
Sociedade de Paris — Médium, o Sr. M..., em sonambulismo

Nota. — O Sr. L... acabava de anunciar que se propunha a publicar obras espíritas, a preços fabulosamente reduzidos. Foi a este respeito que o Sr. Morin disse, em estado sonambúlico, o que se segue:

Os espíritas são hoje numerosos, porém ainda não compreendem o alcance eminentemente moralizador e emancipador do Espiritismo. O núcleo, que sempre seguiu o bom caminho, continua a marcha lenta, mas segura, não tem idéias preconcebidas e cuidados, que ficam em caminho.(122)

Entre os que formam o núcleo há muitos, infelizmente, que vêem tudo cor-de-rosa e, facilmente benévolos, se deixam levar pelas aparências e vão, infantilmente, cair nos laços inimigos de uns tantos que dizem dar o sangue, a fortuna, a inteligência para que triunfe a idéia. Pois bem! Relede a comunicação (comunicação que ele acabava de fazer) e vereis que, em certos indivíduos, tais sacrifícios nunca são feitos sem pensamento oculto.

É preciso estar prevendo com as dedicações e generosidades dos que as ostentam e com as asseverações dos que dizem que nunca mentem.

Anunciar a venda de alguma coisa a preço impossível, dizendo não ter prejuízo, é ocultar especulação, é fazer mais: dar de graça todos os elementos de uma doutrina sublime alegando primazia e excesso de zelo. Isto é o cúmulo da hipocrisia. Espíritas, acautelai-vos!".

(122) No original: ...il s'eloigne de tous les partis pris, il s'occupe de ceux qu'il laisse en chemin. O grupo iniciador, com Kardec à frente, era o núcleo do movimento espírita, o grupo pensante que sabia discernir e se preocupava com a orientação geral. (N. do Rev.)

Copyright 2004 - LAKE - Livraria Allan Kardec Editora
(Instituição Filantrópica) Todos os Direitos Reservados